sábado, 28 de junho de 2008

Arrivederci...


Tolo, você pensa que me domina, que é meu dono.Você não me conhece. Você não pode e não irá escolher meus amigos, manipular minhas idéias e dizer que elas são bobagens.

Estou cansada das suas atitudes impensadas, do seu julgamento sem medida.

Chega, para mim basta. Sei quem sou e para onde vou, não preciso de guia, meu mapa é minha consciência e meu coração.

Não digo tolices, você que não me entende e nem tem interesse nisso. Você realmente acredita que é o dono da verdade em sua tosca sabedoria.

Não deixarei que me digas o que fazer, com quem devo andar, quem devo amar. Você não percebe que não se trata de escolha, o coração sente e pronto.

Basta dessas palavras sem sentido, sem amor, somente arrogância, prepotência, cobrança. Não cobre de mim tuas alucinações seja capaz de assumir suas decisões.

Eu não ligo se o mundo me ama, não necessito disso para viver. Eu não me importo se quem eu amo um dia estará comigo, não necessito disso para continuar amando.Eu não me importo se amo mais do que sou amada, para mim basta sentir.

Não acredite que pode fazer de mim sua marionete você ainda não percebeu que para mim liberdade é a palavra de ordem? Não se atreva a pensar que pode me tornar prisioneira do seu mundo "fantástico".

Não se atreva a pensar que um dia seremos mais do que já somos, porque eu não me vejo na sua vida, você me deprime. Você entendeu tudo errado.

Você nunca irá compreender como dizer palavras como essas me ferem, eu sei exatamente o que é ser magoada e ter que magoar alguém, veja o ponto que tive que chegar para fazer você entender, me mata.

Você nunca irá entender que me doe fazer pouco caso das pessoas. Você nunca irá entender que eu não sei ferir por mais que eu seja ferida. Você sempre irá me considerar boba, manipulável.

Você nunca irá entender que eu não necessito das pessoas sempre ao meu lado, que eu não preciso de uma turma para sorrir. Ter amigos é maravilhoso, mas não sofro quando eles me deixam, minhas experiências me ensinaram que isso é bobagem, faz parte da vida partir.

Você se assustaria se eu contasse o que eu planejei para mim. Quer saber? Vou contar.

Me vejo sozinha, sentada em uma varanda, escrevendo meus textos a chuva caindo por entre as árvores de minha chacará e apenas "eu" na minha já tão conhecida evelha amiga solidão.

A vida não me deu muitas presenças marcantes e aprendi a ficar só. Triste? Para quem?

As presenças da minha vida só me iludiram, me fizeram sofrer, me trataram como um nada, me usaram, absorveram minha energia.

Estou dando um ponto final nessa farsa, chegou a hora de ter coragem e dizer "dane-se" para você. Chegou a hora de você saber que o mundo não vai esperar você aprender, corra. Chegou a hora de você saber que eu não vou esperar por você, já lhe dei tantas chances,cansei.Chegou a hora de você saber que eu não sou a tonta que pensou que eu fosse, que minhas opiniões não podem ser trocadas como o chip de um celular. Elas são minhas e comigo morrerão. Lutei muito para ser quem eu sou hoje e não será você quem mudará isso. Chegou a hora de você saber uma triste verdade, acabo de aprender a ferir alguém com você.

Amo mesmo, choro quantas vezes forem preciso, até que não ajam mais lágrimas. Quer me aceitar assim tudo bem, senão...arrivederci.


Jamais me diga o que fazer, você está correndo o sério risco de não me ver nunca mais.

LENI SILVA.

Nenhum comentário: